Não faça nenhum conserto!

E dar-vos-ei um coração novo, e porei dentro de vós um espírito novo (Ezequiel 36:26).

As coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo (2 Coríntios 5:17).

        Certo homem possuía uma propriedade onde existia uma cabana muito velha. Este foi procurado por seu vizinho, que lhe fez uma excelente proposta de compra do terreno.
        Como o preço oferecido foi bastante generoso, o dono decidiu vender e começou a consertar a cabana. Ele reforçou a escada, reparou diversas telhas, trocou vidros quebrados e arrumou portas e janelas.
        Assim que o contrato de compra e venda foi assinado e o pagamento feito, o novo dono demoliu tudo. O único interesse dele era no terreno em que a casa estava, pois iria fazer uma construção totalmente nova e diferente.
        Deus não age assim também? Ele quer nos dar uma vida in­teiramente nova; qualquer melhoria que fizermos será inútil para Ele. Deus não pode aproveitar nada que procede de nossa prévia condição pecaminosa.
        Por meio de Sua morte, Jesus Cristo nos comprou como estávamos, a fim de colocar um ponto final em nosso passado de erros, frustrações e memórias vergonhosas.
        Não temos de tornar nossa velha natureza mais “apresentável”; ao contrário, temos de rendê-la totalmente a Ele, nos submetendo ao Senhor sem reservas. A vida eterna que Ele nos oferece nos capacita a adentrar Sua habitação, e desde já o Espírito Santo toma morada em nós. Tudo o que provém da natureza humana decaída será demolido pelo Senhor de todos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta Foi a Sua Vida?


Todos Contra a Pedofilia

Bandeira do Brasil

Tempo

Tempo