Quem Evangelizará os Perdidos?

         
Infelizmente muitos cristãos acham que pagam o pastor para fazer todo o trabalho, inclusive esse.
Outros entendem que é dever dos evangelistas e missionários. Alguns ainda jogam tal dever sobre os ombros da Comissão de Evangelismo. Nesse jogo de empurra, as seitas se aproveitam e acabam levando a melhor. Será que a história a seguir diz alguma a você?
         Havia um importante trabalho a ser feito e “Todo Mundo” tinha certeza que “Alguém” o faria. “Qualquer Um” poderia tê-lo feito, mas “Ninguém” o fez. “Alguém” negou-se a fazer o trabalho porque era de responsabilidade de “Todo Mundo”. “Todo Mundo” pensou que “Qualquer Um” poderia fazê-lo, mas “Ninguém” imaginou que “Todo Mundo” deixasse de fazê-lo. No final “Todo Mundo” culpou “Alguém” quando “Ninguém” fez o que “Qualquer Um” poderia ter feito.
         Sim, qualquer um pode fazer. Disse Pedro em sua primeira carta 2:9: “Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz”. E no 3:15 ele mostra que devemos estar “sempre preparados para responder com mansidão e temor a qualquer que vos pedir a razão da esperança que há em vós”.
         Infelizmente, parece-me que em suas reuniões e atividades as igrejas e os crentes gastam mais tempo cantando e ouvindo músicas do que aprendendo a Palavra e testemunhando de Jesus. Saiba que o verdadeiro louvor é o fruto dos lábios que confessam o nome de Jesus (Heb. 13:15). Se sua igreja ou pastor não estimula o trabalho de evangelização, dê um jeito meu irmão! Mas seja obediente à Palavra de Deus!


Por: Paulo Cesar Pimentel – Desafio das Seitas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta Foi a Sua Vida?


Todos Contra a Pedofilia

Bandeira do Brasil

Tempo

Tempo