Gerado depois da meia-noite (Parte Final)

Todos os desejos reduzidos a um só

            Contudo, apesar de toda a boa vontade de Deus para conosco, ele é incapaz de conceder o desejo do nosso coração até que todos os nossos desejos sejam reduzidos a um só!

         Quando tivermos tratado com nossas ambições carnais, quando tivermos pisado o leão e a víbora da carne, esmagado sob os pés o dragão do amor próprio e passado a verdadeiramente nos considerar mortos para o pecado, somente então Deus poderá nos ressuscitar para novidade de vida e encher-nos com seu bendito Espírito Santo.
            É fácil aprender a “doutrina” de avivamento pessoal e vida vitoriosa. É outra coisa, bem diferente, tomar nossa cruz e caminhar firmemente ao monte escuro e amargo da renúncia a si mesmo. Aqui muitos são chamados e poucos escolhidos. Para cada pessoa que realmente atravessa o rio e entra na terra prometida, há muitas que permanecem do lado contrário, olhando com certo anelo para a herança maravilhosa, e depois se voltam com pesar para a segurança mais garantida das regiões arenosas da velha vida.
            Não, de fato não há nenhum mérito intrínseco em orações ou vigílias noturnas, porém somente uma mente séria e um coração determinado orarão além do horário normal e entrarão no período incomum. A maioria dos cristãos nunca o faz. E é mais do que provável que o raro indivíduo que persiste em buscar a experiência incomum com Deus a alcançará depois da meia-noite.

Extraído de Born After Midnight (Nascido depois da meia-noite), de A. W. Tozer, © 1959, 1987, pelos “Children of A. W. Tozer”. Utilizado com permissão de WingSpread Publishers, uma divisão de Zur Ltd.

A. W. Tozer

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta Foi a Sua Vida?


Todos Contra a Pedofilia

Bandeira do Brasil

Tempo

Tempo